Página principal

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Bem-vindos à Desciclopédia

A enciclopédia livre de conteúdo que qualquer um pode editar.

59 964 artigos · 200 338 imagens

Ajuda

Embaixada

Perguntas

Políticas

Portal comunitário

Mídia

Chat

Contribuir

Artigo em destaque
Professor Großenfibber e Albert Einstein: qualquer semelhança, é mera coincidência (ou não)

Professor Großenfibber é um renomado cientista austríaco com bigode mexicano, formado na nobre universidade de Nova Nova Nova Nova Iorque. É um sujeito baixinho e quase totalmente careca, possuindo apenas uma "vasta barba na nuca". Sua testa saliente indica onde está concentrado a maior parte do seu cérebro cheio de ar. Em seu nariz, que serviu de inspiração para criar o personagem Pinóquio, ele pendura um par de óculozinhos, mas, na verdade, nem tem necessidade de usá-los: somente está com eles porque veio junto com sua fantasia de cientista. Também possui um sotaque alemão bem forte o que, às vezes, dificulta o entendimento do que ele diz.

Não se sabe ao certo o porque de ser chamado de "Professor" uma vez que ele não exerce a profissão. Talvez seja porque Großenfibber insista em ensinar tudo aquilo que a gente não deve aprender. Já trabalhou com Albert Einstein, seu sósia, Erwin Schrödinger, Victor von Frankenstein, Victor von Doom e outros, porém seus inventos sempre foram motivo de chacota para o restante da comunidade científica.

Inconformado por não valorizarem sua genialidade, resolve trabalhar em projetos menores como em invenções em prol de empresas de serviços públicos, máquinas do tempo ou simplesmente fazer experiências solitárias em casa.

Ver o artigo completo...

Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Twitter



Eventos recentes


Neste dia...


Sabia que...


Imagem do dia
 
Apresentação
Batata desciclo sem texto.gif
Bem-vindo(a) à Desciclopédia, uma (des)enciclopédia escrita com a colaboração de seus leitores. A Desciclopédia é um site de humor debochado e seu conteúdo não deve ser levado a sério. Todas as nossas regras e políticas convergem para um só princípio: ser engraçado e não apenas idiota. É um princípio amoral, mas que implica numa ética subjacente. Significa que, no âmbito da Desciclopédia, só podem ter procedência as críticas que se refiram à qualidade divertida de um artigo. Não tem, portanto, nenhum sentido tentar defender os méritos morais ou artísticos de algo que você gosta (banda, filme, personalidade, programa, game, etc.) e que tenha sido sacaneado num artigo da Desciclopédia. Essas coisas não interessam nem um honorável pouquinho aqui.


Participação

Todos podem publicar conteúdo on-line desde que não sejam vândalos ou desrespeitem as regras.

Dentre as diversas páginas de ajuda à sua disposição, estão as que explicam como criar um artigo, editar um artigo ou inserir uma imagem. Em caso de dúvidas, não hesite em perguntar e dar sua apnião.


Comunidade
A comunidade vem crescendo dia após dia. Porém precisamos de mais colaboradores para podermos ampliar o número de artigos em língua portuguesa e expandir, melhorar e consolidar os que já existem.


Projetos irmãos

A Desciclopédia existe graças à entidade sem fins lucrativos Fundação Desciclomídia. A Desciclomídia opera vários projetos em diversas línguas, sempre com conteúdo livre: